5 Coisas que Todo Cristão Deveria Fazer Sobre o filme Êxodo

5 Coisas que Todo Cristão Deveria Fazer Sobre o filme Êxodo

Por: Ben Kayser
Tradução e versão: Carla Ribas

Êxodo: Deuses e Reis está causando muita controvérsia nesta época natalícia. Alguns cristãos estão apoiando o filme, enquanto outros estão chamando a atenção para a falha na percepção do Dilúvio e de outros eventos bíblicos. 



Eis aqui 5 coisas que você deve fazer com relação a este filme baseado na Bíblia:

1. Considere:

Êxodo foi feito por cristãos e não-cristãos. São necessárias centenas e muitas vezes até milhares de pessoas para desenvolver, produzir, gravar e distribuir um filme como esse. Entre essas pessoas existem cristãos que dedicam muita energia criativa, física e emocional ao filme. Hollywood é composta de pessoas, e Deus nos chama para amar essas pessoas. Seja tardio em irar-se e generoso nas palavras e opiniões a respeito dos cineastas.

2. Ore:

A melhor maneira de manter uma perspectiva divina sobre as coisas é orar. Ore pelos cineastas incrédulos que necessitam desesperadamente de Jesus. Ore para que Deus use o filme Êxodo como um lembrete do seu poder e magnitude. Ore para que os fatos precisos sejam em benefício do Seu reino e que as partes imprecisas não prejudiquem a mensagem principal. Ore para que os que prestam atenção, percebam a sua própria escravidão ao pecado e percebam que Deus, assim como fez com os israelitas, liberta os cativos.

3. Leia:

A Palavra santa e infalível de Deus é a verdade. Certifique-se de que Êxodo alimente o seu desejo de ler a Escritura, e não substituí-la. Mesmo que Noé tenha tido muitos problemas, a Bíblia Gateway revelou que o filme Noé resultou em um aumento de 223 por cento de pessoas lendo Gênesis 6-9. Ore para que Êxodo desperte nas pessoas o desejo de ler a Bíblia.

4. Assista:

Êxodo não é um filme perfeito, mas também não é um ataque à fé cristã. Ao invés de boicotá-lo, assista-o, sabendo que é uma interpretação artística imperfeita da Escritura, feita por seres humanos falíveis. Entenda que, até mesmo os atores que interpretam os personagens principais, não percebem plenamente a importância do que eles estão fazendo, porque não entendem o evangelho e a narrativa redentora de Deus através da história. 

5. Aja:

Se um filme nos motiva a fazer algo, deve ser a agir. Isso pode variar de um indivíduo para outro, pois as pessoas tiram lições diferentes dos filmes. Este pode convencer alguns a refletir sobre a bondade de Deus para com eles enquanto outros podem ser inspirados a escrever roteiros melhores e mais bíblicos do que os que estão sendo produzidos. Quem sabe, alguém pode assistir Êxodo e inspirar-se a ser um Moisés moderno e libertar crianças escravizadas pelo tráfico sexual. As possibilidades são infinitas, mas apenas se permitirmos que Deus nos anime a agir.

Fonte: charismamag.com
Foto: Screengrab/YouTube



5 comentários :

  1. Gostei muito do seu post sobre esse filme. Ontem fui ao cinema assistir um filme de terror ( não gosto de filmes desse tipo, mas como foi confraternização fui ), e vi o trailer do filme Êxodo, fiquei com muita vontade de assistir, mas lembrei logo do filme de Noé, que foi uma tremenda blasfêmia e fiquei com receio. Sua postagem me ajudou muito, sou grato. Que Deus te abençoe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cleverson, que bom saber disso.
      Eu não quis assistir Noé, mas fiquei animada para ver Êxodo após ler essa matéria, por isso resolvi publicar aqui no Blog.
      Volte sempre!

      Excluir
  2. A máxima de examinar tudo e reter o que é bom. Bem colocado o fato de que boicotar não é a saída. Assistir e ver o que pode ser proveitoso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jesumar, é verdade. Assistir, pesquisar na Bíblia, reflerir e reter o que é bom.
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  3. E ainda coloca Deus como um garoto estranho que nem o diabo representado em Paixão de Cristo é mais sinistro que ele... Nem acabei de assistir e já to grilada... Coloca o homem totalmente no centro, certamente este filme foi escrito, dirigido e editado por ateus, não me espanta a declaração ridícula do ator principal desprezando a fé que o personagem que interpretou tinha... Resumindo... LIXO! Tudo que reflete heresias é um ataque a fé sim companheira!

    ResponderExcluir

Olá,
Obrigado por comparecer ao blog Viva Bons Momentos e interagir através do seu comentário. Sua opinião é importante para nós.
Lembramos que a legislação brasileira responsabiliza o blogueiro pelo conteúdo do blog, incluindo os comentários escritos por visitantes. Assim sendo, agradecendo a visita e a interatividade de todos, avisamos sobre nossa Política de Moderação de Comentários:
• O Editor do blog Viva Bons Momentos analisa todos os comentários e não publica conteúdos que infringem as leis. São eles: palavrões, digitações caluniosas; ofensivas, que contenham falsidade ideológica, que firam a privacidade pessoal ou familiar e, em determinados casos, os comentários em anonimato.
•O editor desse Blog não aceita publicar todos os comentários anônimos. Embora haja aceitação de digitação de comentários anônimos, não significa que o mesmo será publicado. Priorizamos a publicação dos identificados. Os anônimos são publicados apenas quando escritos objetivando a preservação do digitador quando o assunto referir-se a ele mesmo.
Obrigado,
Viva Bons Momentos