Exercício Diário

Por Carla Ribas

Desejar alçar vôos mais altos em Jesus tem seu preço: mais oração, mais dedicação, mais tempo lendo a Palavra e mais tempo meditando naquilo que Jesus ensinou.


Mais treino é fundamental até que nossas atitudes e reações que agradam a Deus e estão de acordo com a Sua Palavra sejam automáticas.

O processo é longo e sem fim pois somos falhos e Deus em sua riqueza de detalhes nos chamou para sermos anunciadores da multiforme sabedoria de Deus - Jesus.

Se nosso desejo é genuinamente demonstrar o amor de Deus pelo próximo, algumas coisas devem ser banidas do nosso quotidiano para que Ele possa ser lido e visto na prática através de nós.

Alguns deles são a mentira, a falsidade, a infidelidade, a vida dupla, os erros pequenos que insistimos em deixar escondido e lançar mão quando nos convém, as palavras ditas sem pensar, as atitudes impensadas e as reações que falam mais alto sobre quem somos do que todas as outras palavras.

Que a nossa oração constante possa ser: Senhor, aumenta Teu território dentro de mim. Toma cada vez mais lugar em minha mente e meu coração para que eu possa ser o meu melhor aqui nessa terra para a Tua glória!

2 comentários :

  1. obrigada pelas palavras.precisamos pensar nelas e exercitar!..
    um abraço
    suely
    http://sbertoncini.zip.net

    ResponderExcluir
  2. Olá, Carla.

    É exatamente como você escreveu, precisamos desprezar tudo, até os erros pequenos! Por quê? Porque para Deus não existe pecado pequeno ou grande.

    Olha como as coisas acontecem...

    Os meus vizinhos, ladeado por um muro, foram passear no feriado de 7 de Setembro. Saíram pela manhã da sexta-feira e deixaram alguns animais domésticos: cachorro, gato, papagaio. Por volta das 17 horas, ouvimos os “gritos” do papagaio. Ao ir ao muro vimos o cão com a ave na boca, lançava-o para cima e ao cair repetia a ação. Era uma brincadeira que machucava! Jogamos biribinhas - bombinha com pólvora seca - e ele se assustou, como o susto deixou o coitado no chão, desfalecido. Cão distante, veio o gato fustigar, cheirar a ave ferida. Mais biribinhas! O gato correu e a escuridão da noite tomou conta da cena.

    Hoje, mais de 24 horas após o ocorrido, a família não voltou de viagem. Uma das noras da vizinha apareceu e contou que encontrou a ave, ela estava escondidinha num canto de parece, morta, ainda com o corpinho quente. Coitada!
    Pior que ser testemunho da selvageria, do bicho que pensamos ser doméstico, foi a tal nora pedir para minha família mentir para a vizinha, a dona da casa, dizer a ela que o ataque seria do gato. Não sabemos explicar a razão dessa solicitação, mas sabemos que essa mentirinha desagrada a Deus.

    Além de Deus ver, minha filha, ainda criança observa o comportamento de seus pais. A pequena mentira, se dita, ficará como um exemplo errado de nós, os seus educadores, na cabecinha dela. A lição mais importante do cristão é o bom exemplo!

    Abraço, na paz de Cristo.

    E.A.G.

    ResponderExcluir

Olá,
Obrigado por comparecer ao blog Viva Bons Momentos e interagir através do seu comentário. Sua opinião é importante para nós.
Lembramos que a legislação brasileira responsabiliza o blogueiro pelo conteúdo do blog, incluindo os comentários escritos por visitantes. Assim sendo, agradecendo a visita e a interatividade de todos, avisamos sobre nossa Política de Moderação de Comentários:
• O Editor do blog Viva Bons Momentos analisa todos os comentários e não publica conteúdos que infringem as leis. São eles: palavrões, digitações caluniosas; ofensivas, que contenham falsidade ideológica, que firam a privacidade pessoal ou familiar e, em determinados casos, os comentários em anonimato.
•O editor desse Blog não aceita publicar todos os comentários anônimos. Embora haja aceitação de digitação de comentários anônimos, não significa que o mesmo será publicado. Priorizamos a publicação dos identificados. Os anônimos são publicados apenas quando escritos objetivando a preservação do digitador quando o assunto referir-se a ele mesmo.
Obrigado,
Viva Bons Momentos